Image Map

CF: Confessing my Love (ollgspmodel)


clique para ler a fanfic aqui
Sinopse:
Ao longo dos anos, Troian pensou que tivesse superado todas as barreiras que a vida tinha imposto no passado. Estava noiva de um homem incrível, sua filha era criada com todo o amor materno que merecia e havia esquecido o nome do homem que um dia lhe prometeu o paraíso e a jogou com força no inferno. Ou pelo menos era o que achava, até que um acaso os obriga a se reencontrar. E uma festividade se torna uma verdadeira zona de guerra. 
Mason era o mesmo garoto de vinte e um anos no corpo de um homem de vinte e quatro. Arrogante e sem esconder a sua pinta de bad boy, amargura-se por ter tomado a decisão errada no passado, escolhendo entre o conforto ao invés do amor. Uma nova chance parecia estar sendo dada, mas de um jeito torto. Mason estava apaixonado pela noiva de outro homem e estava disposto a fazer de tudo para que ela se tornasse sua.
Aparência:
Capa + Sinopse (valor total: 3,0)

Capa (valor: 1,5): 
Essa é uma das capas que não há o que falar sobre. Sinceramente? Perfeito é pouco. Harmonizou totalmente com a fanfic, as cores, detalhes e texturas escolhidas pela designer não pesou e ainda sim ficou diferente do estilo de capas de hoje em dia, o que me deixou mais apaixonada hsahsa ♥


Nota da capa: 1,5 de 1,5

Sinopse (valor: 1,5):
 A sinopse também está impecável, trouxe o que precisava e já me fez sentir aquele comichãozinho na barriga <3

Contudo, porém, todavia… um erro ortográfico.Em "[...]os obriga a se reencontrar.", o verbo está conjugado de forma errada. Reencontrar remete ao plural da terceira pessoa (eles/elas), ou seja, o certo seria reencontrarem: "[...]os obriga a se reencontrarem."

Cada erro ortográfico equivale -0,15 ponto na sinopse

Nota da sinopse: 1,35 de 1,5
Nota de aparência: 2,85 de 3,0

Ortografia:
(Gramática, Pontuação, Coesão Textual, Repetições) (valor: 4,0)

Que preguiça de falar de português </3
Sua escrita em si é ótima, mas tem muitos erros de concordância verbal. Certo… o que é esse palavrão todo? É quando o verbo concorda com o sujeito.
Exemplo: "Ela não pode vim?" (capítulo 1) vi esse erro mais de uma vez. O correto é vir (e tem acento nesse pode aí porque só assim você indica que a frase está no passado perfeito [ou pretérito perfeito, mas acho esse nome feio hahaha]): "Ela não pôde vir?";
Também houve momentos que você usou o infinitivo e não conjugou o verbo e vice-versa. Outro erro foi que você começou o capítulo em um tipo verbal (passado) e terminou ele no presente. Você tem que escolher um e ir até o fim com ele, não podendo trocar de tempo verbal assim (com exceção, é claro, de casos que peçam por essa troca). Isso atrapalhou um pouco a coesão textual, mas espero que corrija isso.

Nota de ortografia: 3,0 de 4,0

Enredo
(Criatividade, Desenvolvimento da História, Narrativa) (valor: 2,0)

Vendo a Troian chamar os outros de mortais me deu aquela vontadezinha de mandar um comentário "alá a deusa grega, menina de outro mundo, diva trevosa das trevas, queridinha do olimpo, bella swan!!!!!" #brincadeira. aaaaAAAAAAAHHHH! Essa é minha sensação agora, lendo o capítulo 3 e vendo que o Mason e a Troian vão se beijar (vão?). AAAAAAHHHH versão 2.0 (sim, eles se beijaram! E ela ama ele! Ele ama ela!). Sério, eu preciso parar de escrever minha reação em cada 50 palavras, mas é que eu estou com o Word aberto em uma página e o capítulo em outro e não posso deixar de comentar que eu já teria passado mal se algum ser humano virasse para mim e dissesse que foi até Nova Iorque por mim #drama da minha vida. Enfim, vamos falar da história? Sensacional. Sério, gostei muito. Fiquei perdida algumas vezes? Sim, acho que teve outra temporada antes, certo? Não li. Mas sobre o que posso afirmar: 1º) achei bem exagero o lance da sogra que odeia a nora e dá em cima de caras de 24 anos. Claro que isso acontece, entendo que sim, mas eu acho que não combinou o excesso dessa personalidade dela. A Troian pode não gostar dela, é algo a mais na história que fica legal, mas só acho que foi hipérbole as atitudes da senhora Russo (olá, feiticeiros de Waverly Place!). 2º) Eu realmente não sei se aconteceu algo depois, mas… a Troian traiu o Mason, certo? E depois teve a Hanna, mudou para NY e arranjou o Nathan como noivo. Mas por que o Mason foi atrás dela, sinceramente? Pessoas traídas dificilmente reestruturam confiança no parceiro que as traiu. Eu não sei se algo aconteceu aí nesse meio termo que eu não sei, mas é ainda mais difícil para um cara correr atrás de uma mulher que o chifrou. Não digo impossível (meus amigos tem esse tipo de novela na vida deles), mas é preciso de um motivo sólido para isso. Não apenas "eu te amo". É válido dizer isso? Claro que sim, mas também temos pensar no meio. Você acha que os amigos dele o apoiariam em voltar para ela? Opinião alheia vale. Também temos que considerar o fator casamento. Uma história de amor não é criada apenas por duas pessoas, e sim por várias. Sobre Mason e Troian: não sou de ler cena de sexo, mas li as falas e… wow! Que cena, mulher! Gostei muito da história do relacionamento deles, muito mesmo. Mesmo com o que eu disse sobre ele ter ido à NY por ela sem "muitos motivos", ainda achei uma história fantástica para se ler quando bate aquela deprê. A personalidade de ambos ficou legal, talvez um pouco melosa, mas não penso de outra forma no enredo. Não sei se nessa 1ª temporada você falou porque o Christian odiava ela, senti falta de uma explicação sobre isso. Fui com um pé atrás sobre o Nathan, já que histórias assim o colocam como infiel e tal… mas é gente fina <3 Casamentos com interrupções de "pode beijar a noiva" são histórias muito boas porque podem ser desenvolvidas para n lados (romance, drama, comédia…), e cada vez mais leitoras são atraídas para isso. A personalidade do sogro poderia ter sido um pouco mostrada também… não tenho certeza quanto à isso, mas senti interesse em saber mais sobre ele. Com isso daria uma explicação prévia do porquê de a mulher dele ser tão chata assim hahaha. A querida Hanna foi uma das que eu tive vontade de apertar porque crianças são demais! Não tenho nem o que dizer sobre ela.

Nota extra: poderia ter ocorrido um aprofundamento sobre os sentimentos do noivo diante de tudo isso. Não um POV dele, mas uma conversa franca entre ele e Troian, dizendo o que houve no passado e tudo mais.

Nota de enredo: 1,0 de 2,0

Avaliação Geral
(Avaliação de Banners/Playlists, Dicas para o autor, Comentário Final.) (valor: 1,0)

Preciso dizer alguma coisa sobre os banners? Caraca, quem dera eu ter experiência como essas designers. Não vi nenhuma sinopse, mas li todos os capítulos com músicas tristes e melosas (inclusive, o casamento tive certeza que estaria lendo ouvindo Perfect do Ed Sheeran, ouça!).Entre comentários finais, pode parecer que minha crítica maior foi em relação ao enredo (uma página e meia do Word!), mas eu quero muitíssimo que olhe sobre os erros ortográficos. Senti um certo incômodo diante disso, mesmo que não seja nada ah-meu-Deus, mas que ainda é importante ressaltar. Eu não curto muito histórias melosas com triângulos/quadriláteros/polígonos amorosos (isso daria o nome de uma fanfic, não acha?), e por isso não tenho muito a dizer. Não sou chegada nisso, mas não quer dizer que o enredo esteja ruim, vi muitas coisas interessantes que me surpreenderam ali. Só senti falta mesmo é de uma conexão com a 1ª temporada, porque não ler Liar Love terá sim, alguns poucos problemas em entender o que está acontecendo. Eu disse um pouco sobre isso na parte de enredo.

Nota de avaliação geral: 0,7 de 1,0
Somatório: 7,55 de 10,0

Apareci! Atrasada demais, mas sim, apareci. Desculpe-me. Eu detesto mesmo atrasar pedidos, mas ô Ensino Médio chato </3! Eu iria postar seu pedido no domingo, mas deu B.O. e minha mãe não me deixou usar o computador, segunda eu não tive tempo de terminar para postar e terça estava estudando. Enfim, 19:15 aqui no horário de casa (20:15 em Brasília), mas vamos ficar felizes porque consegui hahaha. A sua outra CF ficará pronta logo, também, ainda nessa semana. Qualquer coisa, fale comigo nos comentários. Obrigada pela preferência, fico super feliz com isso :) Um beijo e um queijo, Holland.



2 comentários :

  1. Eu coloquei sinopse na Avaliação Geral, mas quis dizer playlist hahaha </3

    ResponderExcluir
  2. Oi, vim aqui me borrando de medo para ler a crítica kkkk
    Confessing my love é um spin-off de Liar Love, mas não pedi para você ler por que eu vou reescrever a primeira temporada toda, então não achei necessário por isso que você ficou um pouco perdida eu já esperava por isso.

    Agora que você me apontou as lacunas da fic, eu percebi que merecia mais um aprofundamento de algumas situações. E sobre a minha narrativa toda louca (kkk) eu percebi isso depois que escrevi Confessing my love e também Marked For Death (que também esta com vc), então comecei a ser mais atenta nessa questão.

    Os banners foram todos feitos pela Gabe daqui. <3

    Obrigada pelas dicas :)

    ResponderExcluir